Top Ad unit 728 × 90


Últimas Notícias

DESTAQUES

Oposição de Zabelê se recusa a assinar documento que pede liberação de recursos para o município

Após a reunião da Câmara de Vereadores de Zabelê, realizada na noite desta segunda-feira (26), todos os vereadores foram convidados a assinar um documento que pede ao governador Ricardo Coutinho (PSB), a liberação de recursos para a conclusão de uma importante obra no município.

O documento trata de um pedido conjunto assinado pelos representantes dos poderes Executivo e Legislativo do município de Zabelê, que solicita ao governador Ricardo Vieira Coutinho, a liberação de recursos do Convênio n.º 0068/2014 – EDUCAÇÃO, firmado com o Governo do Estado da Paraíba, através do Pacto Social, com a Prefeitura de Zabelê, objetivando ampliar a Escola Municipal Maria Bezerra da Silva, com construção de um refeitório, cozinha, banheiros e almoxarifado.

No ofício, os representantes do Executivo e Legislativo relatam ao chefe do Executivo Estadual que a falta da liberação dos recursos deste convênio tem provocado a paralisação da obra, consequentemente, causando sérios transtornos às crianças, haja vista, tratar-se de obra que implicou em demolições na Escola Municipal Maria Bezerra, encontrando-se a mesma, parcialmente interditada.


Mas um fato que causou estranheza as pessoas presentes à sede do Poder Legislativo e aos vereadores de situação, foi à posição dura e o comportamento dos vereadores de oposição do município. Ao ser explicado do que se tratava o pedido, o bloco de oposição formado pelos vereadores José Ferreira Neves (Ferreira), José Cabral Irmão (Cabral), Celis Lilian Andrade de Vasconcelos (Professora Celis) e João Batista Saturnino Gomes (João Sator), se recusaram a assinar o pedido para a liberação dos recursos do convênio, alegando que não iam assinar tal pedido, e não deram mais explicações.

Mesmo com a negativa da assinatura por parte dos vereadores de oposição, os vereadores de situação, formado por Gerson Magdiel Souza Santos (Diel), Vanderlênio Souza Monteiro, Ecleziano Bezerra da Silva (Pê), Pedro Evangelista da Silva (Pedro Apolinário) e pelo presidente Sebastião Dalyson de Lima Neves (Dalyson), sensibilizados com a demora da liberação dos recursos por parte do Governo do Estado e com a necessidade de concluir a obra da Escola Maria Bezerra da Silva, onde irá beneficiar dezenas de alunos que estudam naquele educandário, ASSINARAM O DOCUMENTO e o encaminhou ao governador Ricardo Coutinho nesta terça-feira (27), onde o mesmo se encontrava em Sumé para a inauguração de uma adutora.

Depois de um fato meramente equivocado por parte da oposição, fica o questionamento: Qual o papel de uma oposição? O tema nos faz pensar sobre o comportamento daqueles representantes políticos que não fazem parte da base governista e estão de fora do comando. Será que o papel da oposição está ajudando o nosso país a ser mais sério? Ou ainda vivemos naquela velha política de, “quem está fora quer entrar e quem está dentro não quer sair”?

Embate é normal como regra de debate democrático. Mas não se pode agregar a um papel público o ego pessoal ou partidário, como fazem a maioria dos que atuam no cenário oposicionista.

A escritora Sabrina Barbosa, em seu artigo: O Verdadeiro papel da oposição na democracia atual: Ajuda ou desconstrói?, diz que cabe a oposição ser favorável as propostas relevantes para a comunidade, pois não se pode correr o risco de não aprovar uma matéria apenas para ser contrária a vontade da situação.

Lembrando que, o pedido entregue ao governador Ricardo Coutinho também foi assinado pela prefeita de Zabelê, Iris Henrique (DEM).

CARIRI EM AÇÃO
Oposição de Zabelê se recusa a assinar documento que pede liberação de recursos para o município Reviewed by OPIPOCO MONTEIRO on quarta-feira, outubro 28, 2015 Rating: 5

Nenhum comentário:

Todos os Direitos Reservados O Pipoco © 2010 - 2015
Powered By xHtml5 and BootStrap 3, Customizado e Otimizado por Siguemir R. Bezerra

Formulário de contato

Nome

E-mail *

Mensagem *

Tecnologia do Blogger.